Conserv

12 dicas para prevenir e controlar carrapatos

Criar cachorro não é fácil. Há que se prover alimento, água, vacinas, vermífugo, banhos... enfim, criar cachorro definitivamente não é tarefa das mais simples. Mas talvez o maior desafio de quem tem um amigo peludo seja mesmo acabar com a famigerada praga dos carrapatos.

Eles são feios, sugam sangue e transmitem doenças e, amigo, acabar com eles exige um trabalho colossal. 

Antes de tudo, é preciso ter em mente que o controle dessa praga só é alcançado através de um conjunto de medidas. Não pense você que uma simples coleira contra carrapato vai acabar com a infestação de seu bichinho, porque não vai. A coleira com certeza vai ajudar, mas é preciso tomar outras atitudes:

1 - Regularmente procure por carrapatos em seu animal. Cate e jogue-os em um pote com querosene (o álcool nem sempre os mata, a não ser que você os incinere);

2 - Cuide de seus animais com repelente ou carrapaticida tópico. Existem vários disponíveis no mercado. A maioria consiste em um líquido aplicado no dorso do animal, na região da nuca;

3 - Se seu cão é adulto e saudável, utilize uma coleira com carrapaticida;

4 - Da mesma forma, se seu cão é adulto e saudável, banhos com carrapaticida aplicados preferencialmente por um profissional, serão de grande ajuda;

5 - Há remédios de uso oral que podem ajudar no controle; consulte o veterinário;

6 - Em propriedades grandes, criar algumas galinhas é uma forma de controle biológico, pois elas comem os carrapatos;

7 - No ambiente, faça sempre uma boa limpeza (com os produtos adequados) nos locais onde o animal costuma ficar. Se necessário, recorra a uma empresa de dedetização e cuidado com animais e crianças;

8 - Carrapatos costumam subir pelas paredes e procurar frestas e cantinhos onde possam se esconder. Poucos ficam ao nível do solo, então, use uma bombinha de aspersão para os locais mais altos;

9 - Quando aplicamos o inseticida, matamos os carrapatos jovens e adultos. Os ovinhos normalmente não são mortos pois são muito resistentes. Portanto, repita essa limpeza cerca de dez a doze dias depois; para matar os carrapatinhos que acabaram de eclodir;

10 - Sempre que usar um produto tóxico, leia a bula e siga rigorosamente as instruções de segurança;

11 - Se você tiver um lança-chamas e não for do tipo psicopata, pode usá-lo para fazer a limpeza. Esse recurso é o que usamos nas clínicas / hospitais e mata inclusive os ovos do carrapato;

12 - E atenção: não existe vacina contra esse mal. O que popularmente se chama de “vacina do carrapato” é um produto usado em certas dermatopatias específicas. O uso indiscriminado dele pode inclusive destruir células do fígado do animal.

Por Max Moura, médico veterinário.

Fonte: http://bichinhosprecisamdelar.blogspot.com.br/

mais em blog