Conserv

Estação das chuvas pede cuidado extra com os ratos

 Em tempos de enchente, eles viam notícia. Os ratos são famosos pelo terror que causam e pela quantidade de doenças que transmitem, como leptospirose e peste bubônica. 

Mas, como manter esse perigo longe enquanto a estação das chuvas não vai embora? Quais são as doenças que podem realmente transmitidas por eles? E quais são os sintomas? 

Para desmistificar essas e outras dúvidas, conversamos com o infectologista José Ricardo Wilmers, da Sociedade Brasileira de Infectologia. "Todo cuidado é pouco, as doenças transmitidas pelos ratos podem, inclusive, levar a morte", afirma o médico.

1) O contato com o rato não transmite leptospirose. 

Verdade. A doença é transmitida apenas pela urina do rato, e não pelo animal em si. Por isso, é preciso higienizar bem a casa após qualquer alagamento e evitar o acúmulo de lixo. A leptospirose causa uma infecção sistêmica (em todo corpo), que geralmente leva a sangramentos, insuficiência renal e, em alguns casos, até mesmo à morte.

2) A mordida do rato causa uma ferida que some sozinha.

Verdade. A cicatrização da ferida acontece rapidamente, mesmo sem tratamento. O problema é que mesmo os roedores sadios hospedam, na garganta, bactérias que causam uma forte infecção. 

Dez dias depois da cicatrização, é comum aparecerem sintomas como febre, diarréia, dores pelo corpo e vômito. Diante de uma mordida, lave bem o local com água e sabão e procure ajuda médica imediatamente.

3) Locais sujos e com resto de comidas atraem ratos. 

Verdade. Quanto mais lixo, maior a chance da população de ratos aumentar. Armazéns abandonados, locais de depósito de lixo, proximidade de esgotos são ambientes propícios para o aparecimento dos roedores, que procuram a superfície quando esses locais são alagados.

4) Os ratos só frequentam os quintais e não fazem ninho dentro de casa. 

Mentira. Os ratos facilmente entram em casas, principalmente se restos de comidas estiverem presentes no ambiente, já que estão sempre em busca de alimentos. Eles podem entrar através de frestas, janelas e portas. 

5) Só a urina do animal que transmite doença. 

Mentira. Além da urina, a pulga do rato pode trazer prejuízos para saúde. Ela é transmissora da Yersinia pestis, bactéria causadora da Peste Bubônica, doença que causa tremedeiras, delírios e dores por todo o corpo. O tratamento é feito com antibióticos. 

6) Em época de chuvas fortes, é mais comum o aparecimento desses animais. 

Verdade. Quando há o enchimento das galerias de esgoto, os ratos precisam procurar alimentos e abrigos e, normalmente, encontram dentro da casas.

7) Os ratos não deixam sinais por onde passam. 

Mentira. É possível perceber quando um rato passou por determinado ambiente. Alguns dos sinais são fezes, roeduras e até pequenas tocas que podem ser encontradas em cantos de muros. 

8) A ingestão de alimentos contaminados por ratos pode causar problemas para saúde 

Verdade. Ingerir qualquer alimento contaminado pelas fezes do rato pode causar salmonelose, mal que ocasiona diarréia intensa e fortes dores abdominais.

Fonte: Minha Vida

mais em blog