Conserv

Formigas podem transmitir mais doenças que baratas

Gênero animal de maior êxito na história da Terra, as formigas compõem cerca de 15% de toda a biomassa animal terrestre. Em função disso, é muito comum encontrar esses insetos em diversos locais de nosso convívio: em casa, nas ruas, em parques, em estabelecimentos comerciais, entre outros.

É frequente, inclusive, encontrar formiga em alimentos. Quem nunca viu um pequeno inseto do tipo andar em biscoitos, pães e afins? Muitos tiram a formiguinha do local e continuam a comer tranquilamente.

Este hábito, porém, é perigoso para a nossa saúde. Um recente estudo feito em Campo Mourão (PR) e publicado pela Revista de Saúde e Biologia aponta que formigas podem carregar mais doenças do que baratas.

A pesquisa biológica fez uma busca por bactérias nas patas de formigas em ambientes hospitaliares. Sete tipos distintos de patógenos foram encontrados: Enterobacter sp, Acinetobacter sp, Streptococcus pneumoniae, Staphylococcus coagulase negativo (SCoN), Shigella sp, Serratia sp e Klebsiela sp.

Com isso, a relação entre formigas e problemas relacionados a tratamentos de doenças em hospitais, como irritações e rejeições, pode ser mais forte do que pensávamos.

Além disso, a formiga é vetor de doenças infecciosas. Gripe, tuberculose, verminoses, intoxicações alimentares e até hanseníase podem ser transmitidas pelo pequeno inseto.

Por que isso acontece?

A formiga pode transmitir doenças por ser móvel demais. Não parece fazer sentido, né? Mas faz.

Insetos desse tipo percorrem até três centímetros por segundo e não se cansam: podem caminhar, praticamente, o dia todo. Com isso, esses animais passam por diversos locais em um curto período de tempo.

Por serem animais muito móveis, as formigas também passam por diversos locais de higiene questionável, como recipientes com lixo, fezes e animais em decomposição. Dessa forma, organismos patogênicos ficam acumulados nas patas dos insetos.

Formigas vs. baratas

Não se trata de uma competição: formigas e baratas são igualmente perigosas para nós. Ambas podem transmitir doenças aos seres humanos quando há contato direto ou indireto com elas.

No entanto, quando se afirma que formigas podem ser mais perigosas que baratas, trata-se de uma questão relacionada à própria natureza: quando as baratas morrem, são as formigas que recolhem seus restos mortais.

Fonte: acrediteounao.com

mais em blog